Taboão da Serra tem o primeiro Centro de Fisioterapia da região sudoeste


>



Taboão da Serra tem o primeiro Centro de Fisioterapia da região sudoeste


A Prefeitura de Taboão da Serra inaugura neste domingo, 26, durante o Ação Social e Cidadania que será realizado na Estrada das Olarias, o primeiro Centro de Reabilitação e Fisioterapia da região sudoeste. O Serviço Especializado de Reabilitação (SER) vai prestar atendimento gratuito em fisioterapia, psicologia, nutrição, enfermagem e serviço social.

O SER tem capacidade para realizar até 20 mil procedimentos por mês, atendendo, principalmente, os portadores de deficiência que moram na cidade. Com 1.900 m² em instalações, o prédio destina 1.600 para a área de reabilitação física e mais 300 para o atendimento psiquiátrico adulto e infantil.

O SER presta serviço de qualidade e humanizado, priorizando a qualidade de vida das pessoas

De acordo com o Prefeito Evilásio Farias, o SER vai virar referência na saúde de toda região "Com a inauguração desse Centro, Taboão conseguirá atender toda a demanda dos moradores da nossa cidade" afirmou. Hoje, na maioria dos casos, após o acidente e o pós-operatório, os pacientes são encaminhados para o Hospital Pirajuçara, que dá prioridade para lesões recentes e graves. Nos casos crônicos, como Acidente Vascular Cerebral (AVC), paraplegia e tetraplegia, em que o lesionado precisa fazer acompanhamento de forma periódica, há muita dificuldade em conseguir uma vaga, obrigando os pacientes a aguardarem na fila de espera por tempo indeterminado.

"A população não terá mais que se deslocar para outras cidades ou pagar por consultas caríssimas em clínicas especializadas. Aqui funcionará uma estrutura capaz de atender toda a rede de saúde", afirma o diretor do SER, Dr. José Carlos Martins. È o caso de Tonilia Maria Neves, 55, que era auxiliar de limpeza e há seis anos teve que se afastar por conta de uma hérnia de disco, doença causada por inflação ocorre na medula ou nos nervos que saem da coluna. Dona Tonilia passou por várias clínicas até encontrar o Centro, onde está realizando o tratamento. "Eu sentia muitas dores e às vezes ficava difícil até fazer trabalhos domésticos. Mas com o acompanhamento médico, já estou bem melhor", conta.

O SER começou a funcionar em agosto do ano passado e antes mesmo de ser inaugurado, realizou mais de 16mil atendimentos em fisioterapia. "Já diminuímos a fila de espera em aproximadamente 40%, realizando atendimentos em grupo e focando nos pacientes com problemas no joelho e lombar", disse Dra. Silma de Fátima M. Teixeira, que coordena os trabalhos de fisioterapia em ortopedia.

De acordo com a Secretaria de Saúde, um dos principais objetivos é acabar com as filas de espera para tratamentos de fisioterapia e reabilitação. "A unidade de serviço especializado de reabilitação que a prefeitura construiu, contempla a população com um serviço de saúde de extrema necessidade. E todos os serviços são concebidos e desenvolvidos de uma forma que privilegie todas as pessoas, sem distinção. Estamos priorizando a qualidade do serviço para promover a qualidade de vida da nossa população.", concluiu a secretária, Jacira Moreti.

O atendimento no SER não se limitará apenas a casos de grande complexidade. A fisioterapia também tem a função de prevenir futuras lesões. Vilma Tatiane de Souza, fraturou o tornozelo esquerdo durante uma partida de futebol e depois da operação faz fisioterapia para acelerar a recuperação e para evitar que se machuque novamente.

"Ainda dói um pouco, mas antes eu não conseguia nem andar direito, estava usando duas muletas e agora consigo andar com uma só", disse Vilma, de 21 anos. Se Vilma fosse fazer um tratamento particular de fisioterapia em clínicas da região, como levantou nossa reportagem, custaria em média R$ 60 por sessão. E muitas vezes, além de pagar caro, os pacientes têm de lidar com o preconceito e com a dificuldade de acessibilidade.
Taboão da Serra tem o primeiro Centro de Fisioterapia da região sudoeste Taboão da Serra tem o primeiro Centro de Fisioterapia da região sudoeste Revisado by Dani Souto on 07:47 Nota: 5

Nenhum comentário