Lais Souza já faz fisioterapia na coluna cervical






Lais Souza esqui aéreo (Foto: Mauro Horita)

A ex-ginasta Lais Souza já está fazendo fisioterapia para tratar lesão na coluna cervical e recuperar os movimentos dos braços e pernas, no hospital em Salt Lake City, no Estados Unidos, onde a atleta está internada. Segundo o Dr. Antônio Marttos, médico do Comitê Olímpico Brasileiro que acompanha a esquiadora, Lais Souza respira com a ajuda de aparelhos e ainda corre risco de morte.

O médico já chegou ao hospital e o boletim deve sair dentro de três a quatro horas. A esquiadora continua na UTI e já está fazendo terapia para tentar recuperar os movimentos do pescoço para baixo. Os médicos disseram que nos próximos dias o inchaço na medula da Lais deve diminuir e o quadro clínico vai melhorar.

Na última segunda-feira, a atleta de Aéreos do Esqui Estilo Livre sofreu um acidente durante treino em Utah, nos Estados Unidos. Lais estava esquiando, sem praticar nenhum salto, quando perdeu o controle e se chocou contra uma árvore. A atividade servia como preparação para os Jogos Olímpicos de Inverno de Sochi, que começam no dia 6 de fevereiro.

Lais está sendo tratada no Hospital da Universidade de Utah e ainda está na UTI, em estado grave. A principal preocupação dos médicos é o risco de infecções após cirurgias como a que ela fez. E por isso, para diminuir esse perigo, ela pode passar por outras duas cirurgias na quinta-feira, uma delas será uma toracotomia para prevenir infecções no pulmão. Ela também está sendo alimentada por um tubo no nariz, que pode causar contaminação e tudo isso deve ser revisto. A atleta está sendo monitorada por uma equipe grande, e recebe os melhores cuidados, em um dos centros de referência de traumas do Estados Unidos. Por enquanto, ela só reclamou de dor no pescoço.