Quiropraxia é especialidade da Fisioterapia


>




Lendo o jornal O Globo fiquei de boquiaberta. Primeiro porque descobri que o profissional que faz quiropraxia é quiropraxista ( ?????), o que vai de encontro com o meu conhecimento. Quiropraxia é uma especialidade da Fisioterapia. Portanto, apenas fisioterapeutas podem exerce-la. Quiropraxistas não podem. 

Em segundo lugar vai com o jornal em si. Como é que O Globo, um jornal de grande circulação do Rio de Janeiro não tem um editor para revisar matérias que não podem ser publicadas. Simples assim. 

Fico imaginando quando a palhaçada de extinguir diploma de jornalista começar a valer de verdade. Se agora está assim, imagina o quanto estamos encrencados quando comerçarmos a receber notícias do nível de quem não fez faculdade.

Ah, o nome da jornalista é Alessadra de Paula e o link da reportagem está aqui.
Quiropraxia é especialidade da Fisioterapia Quiropraxia é especialidade da Fisioterapia Revisado by Dani Souto on 08:36 Nota: 5

14 comentários

Anônimo disse...

Mr. Dani,
Quiropraxia é Para Quiropraxista assim como Fisioterapia é para Fisioterapeutas. Usurpar atividades de outras áreas para engrossar as opções do mercado de trabalho para os milhares de Fisioterapeutas desempregados não é uma boa estratégia - só causa problemas. Lembra do Pilates? que precisou o fundador da técnica se manifestar para impedir que a fisioterapia brasileira se apossasse da técnica criada pelo françês? Se contemtem com o RPG, Massagem linfática e FISIOTERAPIA! è isso que vcs devem fazer.

Dani Souto disse...

Quiropraxista? Uau! Deve ser irmão do RPGista. Eu como profissional não acho que estou usurpando nada. Ainda mais que a quiropraxia é reconhecidamente especialidade da fisioterapia. Toda tentativa de se fazer a Quiropraxia ser uma profissão e não especialidade não passa pelo congresso, então não é lei. Simples assim.
E quanto ao Pilates, infelizmente Joseph Pilates, o criador da técnica não viu o seu sucesso e provavelmente não se manifestou já que ele morreu em 1967. Informação é bom. Mas postar como anonimo é típico de quem não tem argumento para discutir algo. Mas seja sempre bem vindo(a)!

Debora disse...

Falar em informação é bom, então vamos aos fatos. 1° Quiropraxia é sim um curso de graduação independente de qualquer outra especialidade, sendo 5 anos de curso integral onde são ministradas cadeiras exclusivas que orientam nao somente as técnicas próprias mas tambem uma filosofia por trás do ajuste em si. 2° Em nenhum pedaço de chão deste lindo planeta a Quiropraxia fica subjugada a alguma outra especialidade E NÃO SERÁ AQUI que isto acontecerá !! Estude, pesquise, enfim deixe para lá certos preconceitos que verá que injustiças ora cometidas contra sua graduação a pouquissímo tempo (ficaram quantos anos lutando pela regulamentação ?? )e agora esta sendo perpetrada por seu próprio conselho contra uma graduação legitimada em todas partes do mundo.

PS: Faculdades Anhembi Morumbi e FEEVALE, 5 anos de curso.

Dani Souto disse...

A Quiropraxia não é subjulgada a nenhuma especialidade como você disse.
A quiropraxia é uma especialidade de uma profissão chamada Fisioterapia e isso é lei. Não está em pedaço de chão. Ate porque a Fisioterapia não fica no chão. E nem escrita em chão.

A Fisioterapia completou em 2009 40 anos de regulamentação. Como assim é reconhecida há pouquissimo tempo?? Quarenta anos de REGULAMENTAÇÂO é tempo a beça.

Informação é bom e meu ponto de vista é baseado em leis. Não em pedaços de chão espalhados pelo mundo e muito menos em faculdades que criam graduações para atngir determinados publicos. Vale o que é lei.
E a lei diz que a Quiropraxia é uma especialidade da Fisioterapia, queira você ou não. Não adianta dizer que é injustiça e nehum outro bla bla bla...

Abs,

Dani

Eduardo disse...

Nossa, quanto ressentimento !! Querida Dani não existe legislação que diga que Quiropraxia é especialidade de Fisioterapeutas e nem nunca terá. Estude e trabalhe em suas limitações, deixe a Quiropraxia para Quiropraxistas formados minha querida Dani. Lavagem cerebral a que você foi submetida realmente prejudicou seu discernimento. Não acredite em tudo que lhe dizem, trabalhe em sua área que é bastante ampla, não sendo necessário invadir espaços de outros profissionais devidamente capacitados para tal. Att Eduardo Ribeiro

Dani Souto disse...

Ola Eduardo bom dia! Não há ressentimento.
Mas realmente se eu quiser aplicar a Quiropraxia, como ela é uma especialidade da Fisioterapia, terei que estudar e nisso você certo. Não é qualquer Fisioterapeuta que pode aplicar a Quiropraxia.
A Associação Brasileira de Quiropraxia há quase 10 anos atrás tentou a suspensão dos efeitos da Resolução n° 220/2001 do COFFITO que diz, em lei, que a quiropraxia é especialidade da Fisioterapia e não conseguiu.
E em 16 de junho de 2003 a justiça federal deu ganho de causa definitivo ao Coffito sobre a Associação Brasileira de Quiropraxia.

A quiropraxia só será profissão como vc supõe se o Projeto de Lei nº 4.199/2001 tiver aprovação. Essa lei tramita na Camara dos Deputados. Portanto não tem funcionalidade.

Será mesmo que fizeram uma lavagem cerebral em mim ou tem alguem que não quer ver a verdade, nua e cura?

Abs

Anônimo disse...

Pois é meus amigos.....agora saiu uma nova resolução...
A QUIROPRAXIA não é uma especialidade da FISIOTERAPIA!
Se atualizem!!!!!!! Rá

Equipe Chakalat.net disse...

Qual o número da lei que diz que a quiropraxia não é uma especialidade da Fisioterapia?

DR. HELDER NANI RICARDO disse...

A briga já acabou . A PL 4.199/2001 foi arquivada no mês de fevereiro de 2011 e não pode mais ser desarquivada. Portanto, é mais uma vitória da fisioterapia. A Quiropraxia continua sendo uma especialidade da Fisioterapia (desde 2001). Só Fisioterapeutas podem exercer legalmente a Quiropraxia no Brasil. Denunciem!!!!
Parabéns ao sistema Coffito/Crefitos

theago disse...

Theago Giuberti

É correto afirmar que a Quiropraxia é sim uma especialização legitimada da Fisioterapia, isso é sabido porque qualquer pessoa que tem acesso ao COFFITO, é muito simples ter essa informação, no entanto acho que não seja nenhuma divergência ou coisa do tipo que haja um Bacharelado em Quiropraxia e que sejam impedidos de exercer essa profissão, na qual ainda não está totalmente legalizada, esse problema já é diferente do que acontece com os Tecnologos em Segurança do Trabalho que estão substituindo os tecnicos em Segurança do Trabalho, o Fisioterapeuta especializado em Quiropraxia e o Proprio Bacharel em Quiropraxia podem viver em harmonia, sendo de livre escolha de um paciente decidir a quem dar credito na hora de prestar o serviço, os com certeza tem capacidade de exercerem esta função.
Sou acadêmico de Fisioterapia, e pretendo me especializar em Osteopatia e Quiropraxia

DR. HELDER NANI RICARDO disse...

Caro Theago,
O Projeto de Lei para regulamentação da Quiropraxia como profissão foi arquivado em 31/01/2011.Para aqueles que ainda não sabem, tramitava na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei no. 4.199/2001, que tratava da Regulamentação da Quiropraxia como profissão no Brasil, reconhecendo a profissão do Quiroprático ou Quiropraxista e definindo como atividade PRIVATIVA da Quiropraxia o tratamento de distúrbios bio-mecânicos do sistema neuro-músculo-esquelético e desalianhamento articular da coluna vertebral.
No mesmo ano (2001), o Coffito (Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional regulamentou a Quiropraxia como uma especialidade do Fisioterapeuta. (RESOLUÇÃO Nº 220, DE 23 DE MAIO DE 2001, Publicada no D.O U. Nº 108 de 05/06/01 Seção I, página 46)
Após 10 (dez) longos anos de trabalho, a situação atual e que não pode mais ser revertida é a seguinte:
A Mesa Diretora da Câmara dos Deputados (MESA) decidiu pelo arquivamento do Projeto nos termos do Artigo 105 do Regimento Interno da Câmara dos Deputados. (Publicação no DCD do dia 01/02/2011 - Suplemento ao nº 14).Portanto, não existe a Profissão de Quiropraxista no Brasil.
Para nossa amiga Débora, que também deu seu depoimento aqui, as leis no Brasil não são obrigadas a seguir as leis existentes em outros países. Só pra você ter uma idéia (acho que poucos sabem), o Brasil ou qualquer outro país não é obrigado, por lei, a seguir as normas ditadas pela OMS (Organização Mundial de Saúde),e muito menos por associações internacionais. Isso é fato!!!
Se informem melhor antes de dar uma opinião.

Teca disse...

Tá.....a lei é clara.... só fisio....mas alguém saberia dizer onde existe pós graduação em osteopatia e quiropraxia que sera com mais de 1500 hrs e toda a parte prática como o Coffite e Crefito querem? Em SP, ou qualquer local, não vale a graduação da Anhembi Morumbi, pq como falaram pelo jeito essa não vale....Eu acessei a associação de quiropraxia e osteopatia que consta no Coffito e a mesma tá fora do ar a um tempão....
estou me graduando em fisio e quero me especializar em quiro... fica essa briga imensa, mas local regulamentado p estudar nunca achei...somente os cursos livres ou com menos de 1500 hrs, ou o da anhembi morumbi, o q me recuso a fazer já q já estudei 4 anos da fisio....
se alguém poder ajudar com essa informação importante...acho melhor q ficar brigando falando q pode ou não pode, mas não se acha onde estudar..... abraços

DR. HELDER NANI RICARDO disse...

Cara colega TECA, vocë deve acompanhar de perto e melhor as resoluções do Coffito.
Se vc fizer o nosso curso intensivo ou qualquer outro jamais poderá se dizer especialista em quiropraxia por dois aspectos: 1- Especialista é a pessoa que foi aprovado em exame próprio para isto, outorgado pela Asociação correspondente nos moldes da Resolução COFFITO nº. 377, de 11 de junho de 2010 (http://www.coffito.org.br/publicacoes/pub_view.asp?cod=1894&psecao=9) que trata da obtenção do título de especialista; 2- O título de especialista não pode ser confundido com o título de especialização do MEC que é regido por legislação própria como Pós Graduação Lato Sensu (especialização -360 horas) e Stricto Sensu (mestrado e doutorado).
Para fazer a prova que é proposta pelo COFFITO, em convenio com as Associações vc não precisa fazer nenhum curso. Basta se inscrever na prova que será feita em duas etapas: uma prova teórica e outra prova de títulos. Na prova de título é considerada até sua experiência profissional.
A Resolução do COFFITO que vc se refere que exige 1.500 horas foi uma impropriedade da gestão anterior do COFFITO pois não tem atribuição nem autoridade para disciplinar cursos. Isto é da alçada do Ministério da Educação.
Outra coisa a dizer é que o seu diploma de fisioterapeuta e o seu registro no Crefito de sua região já te habilitam a exercer a fisioterapia em toda plenitude, ou seja, vc poderá exercer a fisioterapia quiropraxica (www.fisioterapiaquiropraxica.com.br )mesmo sem fazer qualquer curso.
O que vc não pode é divulgar título que não possui de acordo com a Resoluçao COFFITO 10 (Código de Ética).

FernandoBehling disse...

Conheço esses dos links, o primeiro fica em Santa Catarina e o segundo em Curitiba-PR:

http://institutofisiomar.com.br/portal/index.php?option=com_content&task=view&id=139

http://www.educaedu-brasil.com/pos-graduacao-em-fisioterapia-em-quiropraxia-pos-graduacao-21724.html

Espero que tenha servido
Abraços